9

Sobre Anjos e Grilos


O grilo procura
no escuro
o mais puro diamante perdido.

O grilo
com as suas frágeis britadeiras de vidro
perfura

as implacáveis solidões noturnas.

E se o que tanto busca só existe
em tua limpida loucura

-que importa?-

isso
exatamente isso
é o teu diamante mais puro!

Mário Quintana

------------------
Teve de criar toda essa confusão para se sentir confortável de algum modo. Importar-se de menos, e se jogar pra vida como um grilo sedento por liberdade há anos preso numa caixinha de ilusões orientais. Mentiu, omitiu, falseou muitas vezes para não ser o nunca desejado. E sê-lo por inteiro agora sem mentiras, omissões e falsidades. Mas, essa loucura, a mesma que lhe dá socos na cara, alimenta seu ser, sua vontade de sair por ai, pulando, voando, cantando, sem ter pra quê, com a mesma facilidade que nega a si mesmo. Aí lhe disseram que o jeito é: ou nos conformamos com a falta de algumas coisas na nossa vida ou lutar para realizar todas as nossas loucuras... Talvez seja verdade, embora quase não haja nenhum motivo pra sorrir de verdade, aliás, ninguém nunca ninguém sabe se está louco para rir ou para chorar. Rir e chorar, senão das coisas que ninguém entende, e só ele entende, como sábado, no último sábado. Ahhh, nada entende de questão social. E odeia pessoas felizes. Aplausos em momento errados! Ninguém aplaudiu. Lembrar do menino que deixou a casa em que morava aos 14 anos. E sentir saudade daquilo tudo. E assim vai vivendo, levando... À espera de um anjo? No final, vai sobrar apenas um desenho de criança... corrigido por um louco.
---------------------
P.s I: Excertos destacados são trechos de poemas de Mário Quintana.
P.s II: Sobre Anjos & Grilos é um espetáculo multimídia - cômico / lírico / trágico - no qual a atriz Deborah Finocchiaro , numa junção entre a fala, o gesto, a poesia, as artes plásticas e a música, conta, recita e canta textos e poemas de Mario Quintana.
P.s III: O contador foi colocado este ano e o blog tem quase 3 anos. Obrigado pelas mais de 3.000 visitas.

9 comentários:

Lizii disse...

Sempre fantástico! O grilo falante do pinóquio perde de 1000x0 pra você! :D
Amo-te mr barroquinhas!

Felicidades sempre ;)

Beijo

Fábio Flora disse...

Anos, grilos, Mário Quintana – um post dos bons! Só não pode compará-lo com o Grilo Falante, gigante pela própria natureza, né? Abraços e sucesso com o blog!

Grilo Pensante disse...

Se vc soubesse a admiração q tenh pelos grilos, principalmente pelos mitos que envolvem essa criatura tão pequena...
que pode ser considerado como essperança ou praga....

adorei seu texto...muito bom mesmo

abraços

www.felipepensador.blogspot.com

e tb

http://surfinsantoss.blogspot.com/

Clecia Nunes disse...

grilos... adoreii o conteudO... qualidade... super show!!!....
Intepretação a milll...

Rosangela A. Santos disse...

Eu como todos que já comentaram só tenho elogios a sua postagem e a intepretação..

Parabéns!!

Zone Core disse...

Muito bakana seu blog. Belos textos...

Mário Quintana é muito bakana, bom gosto!

Jaime Guimarães (Groo Veiga) disse...

O Universo de Mário Quintana...é dos bons, realmente.

Se há loucura o suficiente para rir ou chorar? Talvez exista é lucidez demais, em muitos casos.

E acho que não é bem o caso do Grilo...

abs!

Carlos Vin disse...

"...ou nos conformamos com a falta de algumas coisas na nossa vida ou lutar para realizar todas as nossas loucuras"...
Puta questionamento colocado no teu texto, que por sinal é bem bacana...

O rir ou chorar é como uma moeda, a unica diferença é que jogando essa moeda pra cima, ela pode ficar em pe, ou seja rimos e choramos ao mesmo tempo...

Um grande abraço!!

Rogerio disse...

legal essa storia do grilo...